O Idiota Maravilhoso de Shüsaku Endö

Revista Ler | Outono 2019 | Texto de Adelino Ascenso || Foto Credit: Bettmann Archive/Bettmann

Sem dúvida que uma das melhores vias para o desenvolvimento da investigação das relações entre fé e cultura se encontra no manancial oferecido pela dimensão estética, nomeadamente, na arte e na literatura. Poesia e ficção são meios privilegiados para expressar o divino oculto no sentido profundo de enfermidade e angústia, alegria e esperança, dúvida e pasmo, pois elas vagueiam pelos corredores mais recônditos da Humanidade. Por isso, a ficção é um pilar fundamental para a base antropológica necessária à reflexão teológica. É a esta luz que toda a obra de ficção do escritor japonês Shusaku Endo deve ser analisada e avaliada.

Continuar a Ler >>

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s